Onde comprar aliança de casamento em SP

Procurando aliança de casamento em SP? Neste post a gente traz uma lista especial com as melhores dicas

Uma cerimônia de casamento sem a aliança fica incompleta.

Mesmo que uma parte das pessoas acredite que ela é somente um símbolo e que não pode ser tão valorizada, a maioria dos casais vê a aliança como indispensável, principalmente quando se trata do primeiro casamento.

Não é à toa que as joalherias têm tantos modelos de aliança de casamento: com ou sem pedras, mais grossas e mais finas, totalmente de ouro ou com a aplicação de outra pedra preciosa, etc.

Veja, a partir de agora, os melhores lugares para comprar aliança de casamento em São Paulo.

Onde comprar aliança de casamento em SP


Por que vale a pena comprar aliança de casamento em SP?

Adquirir a aliança de casamento em SP é uma ótima oportunidade para o casal descobrir novos modelos.

É possível até encontrar tipos de alianças que nunca tinham sido vistos pelos noivos, especialmente se eles moram em municípios pequenos.

Uma vantagem notória é que a cidade (e o próprio Estado de São Paulo) tem um número impressionante de empresas e isso contempla as joalherias.

Encontra-se um estabelecimento desse em muitos bairros e, nos centros comerciais, há até mais de uma loja.

Devido a essa disponibilidade, muita gente que se casa em outros lugares acaba indo a São Paulo procurar pelo par ideal de alianças.


Onde encontrar aliança de casamento em SP

Para encontrar aliança de casamento em SP exatamente da forma que os noivos desejam, é indicado que eles procurem pelo máximo de joalherias possível, até mesmo para garantir que o valor do par escolhido é o melhor.… Clique aqui para ler o artigo completo

Como funcionam as cotas de lua de mel

Você sabe o que são cotas de lua de mel? Neste post a gente conta tudo e mostra várias dicas especiais para você organizar o recebimento dos presentes

A organização da lua de mel também é uma etapa que pode desgastar os noivos, especialmente por causa da parte financeira.

A maioria das pessoas deseja fazer uma viagem agradável, com várias atividades e boas paisagens.

Porém, isso é caro, ainda mais quando se tem o desejo de fazer a lua de mel fora do Brasil.

Muitos casais já estão simplificando a sua vida (e a futura viagem) por meio das cotas.

Esse é um serviço parecido com a lista de presentes comum, mas que serve para diminuir gastos e permitir que os noivos passem um tempo de qualidade curtindo o casamento.


O que são as cotas de lua de mel?

Como funcionam as cotas de lua de mel

As cotas de lua de mel dizem respeito ao patrocínio que os convidados farão para que os noivos possam viajar.

Em vez de esses convidados escolherem presentes para a casa nova, eles escolhem o que podem pagar da viagem de lua de mel.

Pode ser um dia no spa, pode ser três dias de diária, pode ser a passagem de avião, pode ser um passeio que o hotel ofereça, etc.

Na lista de presentes comum, cada um dos presentes (cotas) serve para compor os cômodos da casa; já nas cotas de lua de mel, cada valor (também cota) com o qual os convidados puderem colaborar vai ajudar a compor a viagem e tudo o que o casal fizer nela.… Clique aqui para ler o artigo completo

Como funciona o destination wedding

As inovações relacionadas a cerimônias de casamento não param e muitos noivos estão planejando o que foi batizado de destination wedding.

A palavra inglesa “destination” significa “destino” e, de fato, a cerimônia de casamento acontece em um destino escolhido pelo casal.

Apesar de ser uma forma de matrimônio bastante romântica, o destination wedding não é muito fácil de programar e os gastos envolvendo esse tipo de comemoração podem ser bem altos.

Descubra tudo sobre o destination wedding a partir de agora.


Qual é o conceito por trás do destination wedding?

A ideia do destination wedding é o casal fazer uma viagem apenas, ou seja, eles escolhem o local da lua de mel e já fazem a cerimônia lá.

Existem dois motivos para que tantos casais optem por essa celebração: o prazer de viajar e também a possibilidade de fazer a celebração de casamento no lugar sonhado.

Quem escolhe um destination wedding escolhe o seu tamanho também: se quer chamar convidados ou se deseja que a cerimônia seja apenas entre o próprio casal.

Aliás, não é necessário fazer o casamento especificamente na praia: muitas pessoas escolhem castelos antigos, campos, etc.

De fato, qualquer cenário pode ser usado e em qualquer lugar, seja no Brasil ou no exterior.

Como funciona o destination wedding


Pontos positivos do destination wedding

Muitas coisas impulsionam os noivos a escolher um destination wedding, ainda que a sua organização exija mais esforços, como:

Possibilidade de fazer o casamento em um cenário deslumbrante

Por mais que se prepare uma cerimônia belíssima em uma igreja ou uma comemoração no melhor buffet, é claro que não se pode comparar ao casamento em um campo ou em uma montanha, etc.… Clique aqui para ler o artigo completo

O que é elopement wedding?

Quer saber como funciona o elopement wedding? Neste poste a gente conta as vantagens e as desvantagens ao escolher este tipo de cerimônia para seu o casamento

A uniformidade das celebrações de casamento deixou de ser uma realidade há tempos: agora, existem diversos tipos de cerimônias e elas são escolhidas pelos noivos de acordo com a sua personalidade, orçamento e muito mais.

Uma das possíveis celebrações é chamada de elopement wedding, e ela está crescendo muito no Brasil.

Se você quer fazer algo diferente, fique sabendo agora como é o elopement e se ele é uma opção viável para você e seu par.


Como funciona o elopement wedding?

No elopement wedding, há apenas três pessoas: o casal e a pessoa que celebrará a união.

Se os noivos desejam juntar a celebração civil e a religiosa, então serão quatro pessoas.

Essa é uma celebração especial para quando o casal quer vivenciar esse momento de comunhão totalmente sozinhos, sem se preocupar com convidados, preparativos e tudo mais.

Mesmo com cada vez mais noivos apostando nesse tipo de celebração, ele ainda causa estranheza em quem associa essa data à presença de muitas pessoas, uma grande festança, etc.

Porém, vale a pena saber mais do elopement wedding, já que ele pode ser combinado a uma comemoração um pouco maior.

O que é elopement wedding?


Vantagens do elopement wedding

Assim como todas as cerimônias de casamento, mesmo as convencionais, o elopement tem prós e contras que ajudam os noivos a decidir.

No caso dos prós, ressalta-se:

Intimidade

Uma vez que só estão os noivos, é possível ter muito mais proximidade durante a cerimônia e a comemoração subsequente.… Clique aqui para ler o artigo completo

10 dicas incríveis para organizar um mini wedding

Precisa de inspirações para preparar seu mini wedding? Neste post a gente traz 10 ideias ótimas para tornar a sua comemoração inesquecível

Muitos casais deixam de fazer uma comemoração de casamento porque não querem algo grande.

Todavia, não é necessário ficar sem festejar: é só fazer um mini wedding, onde há poucos convidados e uma atmosfera muito mais acolhedora.

Veja abaixo as 10 dicas para acertar na organização.


1 – Selecionar os convidados

A organização de qualquer festa começa com a seleção dos noivos: afinal, todas as coisas serão decididas com base no número de participantes.

Quando se realiza um mini wedding, a ideia é ter poucos convidados e não se pode perder essa diretriz de vista: se a lista de convidados ultrapassar 100 pessoas, já se trata de um casamento maior.

Selecionar poucas pessoas é uma ótima saída para gastar menos na celebração, mas pode ser bem difícil para alguns noivos.

Deve-se começar escrevendo em um papel quais são os convidados indispensáveis para cada noivo e, depois, pode-se incluir mais gente, se houver espaço.

10 dicas incríveis para organizar um mini wedding


2 – Fazer pesquisa de orçamentos

Engana-se o casal que acha que o mini wedding zera completamente os riscos de prejuízo: se não houver pesquisa de preço, pode-se desperdiçar dinheiro da mesma forma que em um grande casamento.

Pensando assim, os noivos precisam estar dispostos a entrar em contato com várias floricultura, gráficas, buffets e outros prestadores de serviço para a comemoração.


3 – Não organizar o mini wedding na última hora

Outra cilada na qual alguns noivos podem cair é a de achar que o mini wedding é muito fácil de preparar e não é preciso tanta antecedência.… Clique aqui para ler o artigo completo

Como escolher a madrinha de casamento ideal?

Quando um casal comunica que vai se casar, o que não faltam são parentes e amigas querendo ficar com o posto de madrinha.

É claro que receber essa incumbência é uma demonstração de carinho por parte dos noivos, mas esse personagem do casamento realmente tem uma atribuição importante.

Pensando nisso, o casal deve considerar muitas coisas antes de escolher a madrinha.

Refletindo sobre os tópicos apresentados neste texto, ficará mais simples escolher a madrinha ideal, garantindo que o matrimônio (inclusive sua preparação) seja excepcional.


O que a madrinha de casamento deve fazer?

Muita gente pensa ser madrinha significa apenas usar um dos vestidos mais bonitos e ter lugar no altar, além do status em vista dos outros convidados.

Contudo, existem atitudes que são esperadas de uma madrinha de casamento.

Como escolher a madrinha de casamento ideal?


Ajudar na organização das etapas

A preparação do matrimônio em si é uma atribuição do casal, mas é comum que a mulher assuma grande parte das escolhas, necessitando de opinião da madrinha.

Por isso, quem deseja e aceita ser madrinha de casamento precisa conseguir administrar a sua agenda pessoal para ajudar a noiva também.


Participação nas questões práticas

A ajuda da madrinha de casamento deve ir bem além de opinar sobre flores ou vestido.

Na realidade, é esperado que a madrinha também colabore com as partes mais práticas dos preparativos.

Se a noiva precisar de ajuda para pedir orçamentos, para agendar horários ou para falar com um fornecedor, a madrinha também deve estar a postos.

Ouvir os desabafos

O casamento é um período de muita ansiedade para os noivos e, muitas vezes, o casal precisa desabafar.… Clique aqui para ler o artigo completo