O que é elopement wedding?

Quer saber como funciona o elopement wedding? Neste poste a gente conta as vantagens e as desvantagens ao escolher este tipo de cerimônia para seu o casamento

A uniformidade das celebrações de casamento deixou de ser uma realidade há tempos: agora, existem diversos tipos de cerimônias e elas são escolhidas pelos noivos de acordo com a sua personalidade, orçamento e muito mais.

Uma das possíveis celebrações é chamada de elopement wedding, e ela está crescendo muito no Brasil.

Se você quer fazer algo diferente, fique sabendo agora como é o elopement e se ele é uma opção viável para você e seu par.


Como funciona o elopement wedding?

No elopement wedding, há apenas três pessoas: o casal e a pessoa que celebrará a união.

Se os noivos desejam juntar a celebração civil e a religiosa, então serão quatro pessoas.

Essa é uma celebração especial para quando o casal quer vivenciar esse momento de comunhão totalmente sozinhos, sem se preocupar com convidados, preparativos e tudo mais.

Mesmo com cada vez mais noivos apostando nesse tipo de celebração, ele ainda causa estranheza em quem associa essa data à presença de muitas pessoas, uma grande festança, etc.

Porém, vale a pena saber mais do elopement wedding, já que ele pode ser combinado a uma comemoração um pouco maior.

O que é elopement wedding?


Vantagens do elopement wedding

Assim como todas as cerimônias de casamento, mesmo as convencionais, o elopement tem prós e contras que ajudam os noivos a decidir.

No caso dos prós, ressalta-se:

Intimidade

Uma vez que só estão os noivos, é possível ter muito mais proximidade durante a cerimônia e a comemoração subsequente.… Clique aqui para ler o artigo completo

10 dicas incríveis para organizar um mini wedding

Precisa de inspirações para preparar seu mini wedding? Neste post a gente traz 10 ideias ótimas para tornar a sua comemoração inesquecível

Muitos casais deixam de fazer uma comemoração de casamento porque não querem algo grande.

Todavia, não é necessário ficar sem festejar: é só fazer um mini wedding, onde há poucos convidados e uma atmosfera muito mais acolhedora.

Veja abaixo as 10 dicas para acertar na organização.


1 – Selecionar os convidados

A organização de qualquer festa começa com a seleção dos noivos: afinal, todas as coisas serão decididas com base no número de participantes.

Quando se realiza um mini wedding, a ideia é ter poucos convidados e não se pode perder essa diretriz de vista: se a lista de convidados ultrapassar 100 pessoas, já se trata de um casamento maior.

Selecionar poucas pessoas é uma ótima saída para gastar menos na celebração, mas pode ser bem difícil para alguns noivos.

Deve-se começar escrevendo em um papel quais são os convidados indispensáveis para cada noivo e, depois, pode-se incluir mais gente, se houver espaço.

10 dicas incríveis para organizar um mini wedding


2 – Fazer pesquisa de orçamentos

Engana-se o casal que acha que o mini wedding zera completamente os riscos de prejuízo: se não houver pesquisa de preço, pode-se desperdiçar dinheiro da mesma forma que em um grande casamento.

Pensando assim, os noivos precisam estar dispostos a entrar em contato com várias floricultura, gráficas, buffets e outros prestadores de serviço para a comemoração.


3 – Não organizar o mini wedding na última hora

Outra cilada na qual alguns noivos podem cair é a de achar que o mini wedding é muito fácil de preparar e não é preciso tanta antecedência.… Clique aqui para ler o artigo completo

Como escolher a madrinha de casamento ideal?

Quando um casal comunica que vai se casar, o que não faltam são parentes e amigas querendo ficar com o posto de madrinha.

É claro que receber essa incumbência é uma demonstração de carinho por parte dos noivos, mas esse personagem do casamento realmente tem uma atribuição importante.

Pensando nisso, o casal deve considerar muitas coisas antes de escolher a madrinha.

Refletindo sobre os tópicos apresentados neste texto, ficará mais simples escolher a madrinha ideal, garantindo que o matrimônio (inclusive sua preparação) seja excepcional.


O que a madrinha de casamento deve fazer?

Muita gente pensa ser madrinha significa apenas usar um dos vestidos mais bonitos e ter lugar no altar, além do status em vista dos outros convidados.

Contudo, existem atitudes que são esperadas de uma madrinha de casamento.

Como escolher a madrinha de casamento ideal?


Ajudar na organização das etapas

A preparação do matrimônio em si é uma atribuição do casal, mas é comum que a mulher assuma grande parte das escolhas, necessitando de opinião da madrinha.

Por isso, quem deseja e aceita ser madrinha de casamento precisa conseguir administrar a sua agenda pessoal para ajudar a noiva também.


Participação nas questões práticas

A ajuda da madrinha de casamento deve ir bem além de opinar sobre flores ou vestido.

Na realidade, é esperado que a madrinha também colabore com as partes mais práticas dos preparativos.

Se a noiva precisar de ajuda para pedir orçamentos, para agendar horários ou para falar com um fornecedor, a madrinha também deve estar a postos.

Ouvir os desabafos

O casamento é um período de muita ansiedade para os noivos e, muitas vezes, o casal precisa desabafar.… Clique aqui para ler o artigo completo

O que é um mini wedding?

As cerimônias grandiosas de casamento são o sonho de muitas noivas, mas um tipo diferente de celebração tem ganhado mais espaço.

Conhecido como mini wedding (ou, na tradução literal, mini casamento), trata-se de uma festa bem menor, mas que possibilita alto nível de emoção e diversão ao casal e aos convidados.

Se planejar um casamento de grande porte é trabalhoso, dá para dizer algo semelhante sobre o mini wedding: apesar de mais compacto, é claro que a cerimônia também vai requerer preparativos.


Quando o mini wedding é a melhor opção para o casamento?

Esse tipo de celebração pode ser escolhida quando de acordo com o gosto dos noivos: há bastante gente que prefere ter poucos convidados para oferecer itens de mais qualidade na festa.

O mini wedding também pode ser escolhido por quem não conhece tantas pessoas no local onde vai se casar, além da necessidade, claro, que muitos têm de gastar menos.

Vale esclarecer que um mini casamento pode ser tão inesquecível quanto uma festa grandiosa. Devido a isso, ele também passou a ser visto como “refinado” por muitas pessoas.

O que é um mini wedding?


Como selecionar os convidados para o mini wedding

O quesito “convidados” pode ser um impedimento para esse tipo de celebração: afinal, quando os noivos têm família grande, fica bem difícil selecionar um número pequeno para convidar.

A situação se complica mais quando há bastante amigo: como o casamento é uma data especial, é normal que os noivos queiram a presença de todos por quem têm carinho.

Dessa forma, o mini casamento se torna viável para quem realmente tem poucos a convidar ou a quem não se importa tanto em desagradar alguns.… Clique aqui para ler o artigo completo

Como preparar uma lista de chá de panela

Muita gente fica em dúvida no momento de preparar uma lista de chá de panela; para ajudar os noivos, preparamos algumas dicas especiais sobre a organização do evento

O chá de panela é um evento que muitos noivos fazem como forma de confraternizar com os seus convidados e, ao mesmo tempo, já conseguir alguns presentes.

A ideia é a mesma do chá de bebê: faz-se uma reunião bastante divertida na qual os participantes trazem presentes para serem usados na casa que está sendo preparada.

Se você nunca fez um chá de panela, veja agora como preparar uma lista desse tipo e que fazer para que esse evento tradicional seja muito mais memorável.


Como funciona o chá de panela

O nome “de panela” não é por acaso: os convidados devem dar apenas presentes para usar na cozinha.

Não é necessário ser presentes caros: podem ser as panelas mesmo (coisas essenciais para cozinhar), além de pequenos acessórios, decoração e muito mais.

É importante que os noivos tenham consciência disso para não colocar na lista de pedidos coisas que sejam para outros cômodos: para reforçar: somente materiais de cozinha.

Como preparar uma lista de chá de panela


Como preparar uma lista para chá de panela

Antes de pensar nos itens que serão pedidos aos participantes, é preciso estabelecer quem será convidado: é de bom tom que só se convide para o chá de panela quem está convidado para o casamento.

Afinal, seria uma situação bastante chata para o participante estar ali no meio do chá de panela, mas não ser chamado para o casamento em si.… Clique aqui para ler o artigo completo

Quais são os requisitos para casar em igreja evangélica?

Entenda como funciona a cerimônia e o que é necessário para fazer o casamento em igreja evangélica

Apesar de ainda ter maioria católica, o Brasil viu o número de protestantes ou evangélicos crescer de forma surpreendente nas últimas décadas.

É muito fácil encontrar uma igreja evangélica em qualquer bairro e os seus casamentos também são muito mais comuns.

Existem certos requisitos para o casal que deseja se unir em cerimônia evangélica; saiba já quais são eles e como é esse tipo de matrimônio.


Como é a cerimônia de casamento evangélico

De forma geral, é possível comparar a cerimônia evangélica à católica: a igreja é completamente arrumada para a celebração e o pastor fica no altar com o noivo, aguardando a noiva.

Esta entra com uma figura masculina que tenha grande representação na sua vida: essa é a tradição, mas a noiva que desejar pode entrar sozinha ou até com uma figura feminina.

O pastor faz a celebração, falando um pouco sobre o casamento. Em seguida, ele realiza a benção das alianças, que é trocada entre os noivos.

Depois dessa cerimônia, pode ou não ocorrer uma festa, de acordo com o desejo do casal.

Durante a celebração pode haver música cristã providenciada pelo ministério de louvor da igreja.

Quais são os requisitos para casar em igreja evangélica?


Quais são os requisitos para casar em igreja evangélica

Os noivos precisam se enquadrar em algumas regras quando agendam o casamento na igreja evangélica:

  1. É preciso congregar na igreja, ou seja, frequentar os seus cultos.
    Se um casal entra em contato com um pastor para marcar o casamento, mas não é um dos membros, pode ser solicitado que ele frequente a congregação por algum tempo a fim de que o pastor conheça mais sobre aquele casal, dê orientações, etc..
Clique aqui para ler o artigo completo